DICAS PARA AJUDAR NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS

como-educar-as-criancas

OS PAIS DEVEM DAR O EXEMPLO

E difícil para os pais educarem os filhos de forma correta, principalmente se eles mesmos tiveram outra forma de educação. Os tempos de hoje são outros, os estudos a respeito desse importante assunto evoluíram e os métodos antigos não são mais indicados.

Então os pais deverão passar por profundas transformações antes de conseguir mudar a forma de pensar e agir.

Os pais são referências para os filhos, e seus hábitos, forma de ser e fazer serão referência para eles. Então a velha frase faça o que eu digo e não o que eu faço  nunca deu certo e nem dará algum dia. Pais sem paciência, sem autocontrole e que gritam terão filhos assim também!

como-educar-as-criancas-7

 

Para que possam dar uma educação adequada, constante e que vai dar bons resultados no futuro devem buscar algumas atitudes essenciais:

  • Equilíbrio
  • Paciência
  • Firmeza
  • Autocontrole
  • Não ter medo dos filhos
  • Não se sentir culpado
  • Não contar “mentirinhas” para os filhos
  • Usar apenas a força da voz
  • Controlar as emoções

 

Não se sinta culpado se em algum momento falhar, não é da noite para o dia que vamos nos transformar e ter todas essas qualidades, mas precisamos delas se quisermos educar nossos filhos. Com a persistência e prática iremos incorporá-las, conforme a própria necessidade exige na hora de lidar com os pequenos.

como-educar-as-criancas-4

 

Nessa tarefa tão importante que é educar os filhos devemos observar essas importantes dicas:

AUTORIDADE E RESPONSABILIDADE SOBRE OS FILHOS

A autoridade é fundamental e imprescindível para alcançar o equilíbrio emocional das crianças.

Ela não aparece como um direito dos pais sobre os filhos, mas como uma condição necessária para o bom desenvolvimento deles.

Cria a imagem de pais firmes e fortes, ou seja, modelos que motivam mais os filhos do que ter pais claramente fracos.

Pais devem assumir a responsabilidade sobre a educação dos filhos. Hoje, os pais, por trabalharem fora, acham que podem terceirizar essa obrigação. Ninguém, além dos pais ou responsáveis, tem a obrigação e o poder de formar o caráter dos filhos, ensinando o certo e o errado.

 

como-educar-as-criancas-3

como-educar-as-criancas-5

 

DAR LIMITES AOS FILHOS

  • Falar não para os filhos

Vivemos em uma sociedade com limites. Diga “não”, por mais que ele chore, insista ou tente lhe chantagear. Afinal, ele vai ouvir muito “não” na vida e é bom já crescer acostumado.

  • Não ceder as birras

As crianças podem gritar, chorar, espernear, atirar objetos. Mas os pais não devem se assustar diante dessas atitudes e recuar. Se tomou uma decisão, continuar firme nela. 

Se não há limites, elas ficam perdidas e mesmo as crianças muito novas são capazes de entender o sentido de um sim e de um não.

Extremismos de superproteção bem-intencionada, na tentativa de fechar os olhos da criança para a realidade do mundo, podem resultar em um adulto despreparado e incapaz de lidar com dificuldades”, diz a psicóloga Triana Portal.

A moderna psicologia afirma com segurança que um delinquente não costuma surgir na adolescência: ele é ‘fabricado’ entre os 2 e os 5 anos de idade.”

 como-educar-as-criancas-8

educacao-infantil

 

CRIAR UMA ROTINA

  • Todas as pessoas precisam de rotina, não somente para aproveitar o tempo e determinar a hora de tudo, mas para adquirir disciplina e bons hábitos.
  • Não sobrecarregar a criança em algumas atividades e faltar tempo para outras, deve haver o equilíbrio em diversão, laser e responsabilidades.
  • A brincadeira é essencial na infância de uma criança saudável e feliz.

 

como-educar-as-criancas-13

como-educar-as-criancas-14

 

ESTABELECER REGRAS E CONSEQUÊNCIAS

  • Em todos os momentos de nossas vidas vamos ter que lidar com normas, leis e regras, elas são fundamentais para o bom andamento e equilíbrio de tudo, sem elas, o caos se estabelece. As crianças devem aprender isso desde cedo, e as consequências de não as seguir. O mundo funciona assim.
  • De ordens claras e objetivas para que a criança entenda o que está sendo exigido. Quando uma pessoa entende o motivo de uma regra, como uma forma de prevenir situações perigosas para si mesmas e para outros, se sentirá mais animada a obedecê-la.
  • Antes de sair de casa, lembrar os filhos que as mesmas regras aplicadas em casa valem também para quando estão fora, e deixar claro que se acontecer alguma quebra de limite quando estiverem fora, as consequências serão aplicadas quando chegarem, sem chance de fuga.
  • Nunca se deve ameaçar com algum tipo de punição e não cumprir.  Os pais perdem a moral e autoridade sobre os filhos.

“A criança precisa de regras claras, simples e fixas para entender o mundo e se sentir segura.”

como-educar-as-criancas-10

como-educar-as-criancas-11

como-educar-os-filhos-6

 

PAIS PRECISAM TER TEMPO COM SEUS FILHOS

  • Invista uma parte do seu tempo para brincar com as crianças. Brincar não é perder tempo, mas sim um momento precioso para  as conhecer,  ensinar e educar.
  • A vida corrida dos pais dificulta essa tarefa, mas o tempo com eles é fator determinante na educação e aprendizagem dos filhos. Nesse tempo se transmite atenção, amor e carinho a eles.
  • A qualidade do tempo em quem se fica com o filho é mais importante que a quantidade.
  • Não compensar as crianças pela ausência constante com coisas materiais, assim estará ajudando a desenvolver adultos frios e materialistas.

Quando adultos, consideramos uma infância feliz aquela em que nossos pais estiveram presentes de forma positiva, e não pela quantidade de coisas materiais que tivemos!
    

criancas-brincando-1

como-educar-as-criancas-19

 

TER UM BOM RELACIONAMENTO COM AS CRIANÇAS

  • A convivência entre pais e filhos deve ser constante. Conversar sobre todos os assuntos é de extrema importância, já que o diálogo traz ainda mais cumplicidade entre pais e filhos. Ouvir, participar ativamente de suas vidas, ter intimidade, dar carinho e atenção fortalecerá o vínculo afetivo.
  • Nesse relacionamento a sinceridade e verdade devem estar sempre presentes. As crianças, por menores que sejam, quando os pais lidam com elas de forma verdadeira, sem mentirinhas, explicando sempre os porquês de tudo de forma clara e simples, elas vão sempre confiar e acreditar neles.

“Pais que mentem têm grandes chances de criar filhos também mentirosos”.

Através dessa convivência, os pais devem procurar desenvolver neles:

  • Positividade
  • Bondade e compaixão
  • Respeito e boa convivência com outras pessoas
  • Senso de dever e responsabilidade
  • Religiosidade

 

criancas-brincando-com-a-familia

como-educar-as-criancas-21

 

PROMOVER A RESPONSABILIDADE

  • As crianças podem aprender a ser responsáveis desde pequeninas.
  • Dar tarefas adequadas a idade e exigir o cumprimento delas desenvolve o senso de responsabilidade, de colaboração e faz com que elas valorizem o trabalho dos outros.
  • Ajudar nas tarefas de casa vai ajudar na formação da autonomia e independência delas.
  • Não esquecer de elogiar, ensinar com paciência e incentivar sempre, pois são os melhores métodos de aprendizagem.

como-educar-as-criancas-2

como-educar-as-criancas-9

 

 

BOA RELAÇÃO ENTRE OS PAIS

  • A forma de convivência entre os pais influencia muito na educação, e relação com os filhos, e na relação deles com o mundo. Ela vai servir de exemplo e base para eles por toda a vida.
  • Evitar divergências entre pai e mãe e, se  houver, um não deve desautorizar o outro na frente dos filhos.
  • Não deixar que os problemas entre os pais, abalem a estabilidade emocional dos filhos.
  • Casamentos desequilibrados podem levar a crianças infelizes e problemáticas.
  • Pais separados não devem envolver os filhos nas mágoas, problemas e ressentimentos desse término, isso tem uma  influência negativa sobre os filhos, e deve ser minimizada ao máximo. Mesmo que a guarda esteja sob a responsabilidade de um, os dois tem as mesmas obrigações na educação. Relação pais-filhos-responsabilidade nunca acaba.
  • Filhos se tornarão pais e também cuidadores de seus pais, e eles poderão  colher a educação que cultivaram em seus filhos.

 

como-educar-as-criancas-12

como-educar-as-criancas-16

como-educar-as-criancas-20

Educar não é instantâneo, é um processo demorado, com muitos altos e baixos. Não duvide de si como pai ou educador, não se compare com outros. Verdadeiros resultados educacionais surgem com o tempo, a persistência e muito amor e dedicação.

Alguns livros para ajudar:

livro-para-ajudar-na-educacao-infantil livro-para-ajudar-na-educacao-infantil-1 livro-para-ajudar-na-educacao-infantil-2 livro-para-ajudar-na-educacao-infantil-3 livro-para-ajudar-na-educacao-infantil-4

 

 

 

 

 

 

Fontes de Pesquisa:
gnt.globo.com
dicasonline.tv
educamais.com
escolacera.com.br
br.guiainfantil.com
megacurioso.com.br
dicasdemulher.com.br
revistacrescer.globo.com
mdemulher.abril.com.br
vida-estilo.estadao.com.br
educarparacrescer.abril.com.br
educador.brasilescola.uol.com.br
criandocriancas.blogspot.com.br
buenaleche-buenaleche.blogspot.com.br
Esta entrada foi publicada em$ e marcada com$ .

One comment

  1. diz

    Nossa muito bom!! É isso mesmo! Temos que nos esforçar para criar filhos!

Deixe uma resposta